Ana Clara Nunes Roberti

Ana Clara Roberti (1991), is a researcher and works with documentary. Graduated in Social Communication (University Federal of Juiz de Fora, Brazil), Clara was a member of PET - Tutorial Education Program (research, teaching and extension activities group); Master in Image Design (Faculty of Fine Arts, University of Porto); and currently a PhD student in Design (University of Porto, University of Aveiro, FCT, UPTEC).
She works as a film director, mainly of documentaries, having already played other roles in fiction films. She has held various photography and video exhibitions. She also has experience in the radio area and collaborated in 2015 with Rádio Manobras, in Porto. She lived in Sicily (Italy) and was involved on the social project "Be the Change" with children, teenagers, and juveniles. She is a member of the Citadocs collective, based in Porto, since 2014, which holds open workshops in the area of ​​sound and video documentary.
Her PhD research focuses on the anthropological documentary.
PT
Ana Clara Roberti (1991), é investigadora e trabalha na área do documentário. Graduada em Comunicação Social (Universidade
Federal de Juiz de Fora, Brasil), foi integrante do Programa de Educação Tutorial PET (grupo de investigação, ensino e atividades de extensão); Mestre em Design da Imagem (Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto); e Doutoranda em design, media e cultura (Universidade do Porto, Universidade de Aveiro, FCT, UPTEC).
Trabalha como realizadora, principalmente de documentários, além de já ter desempenhado outros papéis em obras de ficção. Desde 2012, tem realizado exposições de fotografia e vídeo dentro e fora do âmbito académico. Tem formação na área do rádio e colaborou, em 2015, com a Rádio Manobras, no Porto. Viveu na Sicília (Itália), onde trabalhou no projeto social “Be the Change”, com crianças, adolescentes e jovens. É membro do coletivo portuense Citadocs desde 2014, que realiza oficinas abertas na área do documentário sonoro e em vídeo.
A sua pesquisa de doutoramento tem como foco o documentário antropológico.

Research Groups